4 países nos quais a regulação crypto foi notícia

4 países nos quais a regulação crypto foi notícia

Regulação crypto avança em vários países; Egito, Japão, Índia e Rússia estão fazendo movimentos seja partindo dos governos nacionais, seja do mercado

4 países nos quais a regulação crypto foi notícia

Por Redação

Durante o mês de maio, a regulação crypto foi pauta em todo o mundo. Em alguns países, como Egito e Japão, as leis estão sendo avaliadas e modificadas de acordo com as análises locais. Já na Índia e na Rússia, há novos pedidos e revindicações em relação aos projetos de lei desses países.

Confira abaixo as notícias sobre o tema que foram destaque neste mês.

Egito avalia nova regulação crypto

Está em tramitação no Egito um projeto de lei que determina que a criação, promoção ou operação de plataformas para emissão ou negociação de criptomoedas devem ser condicionadas a licenças prévias e submetidas ao Banco Central local. De acordo com a nova proposta, o órgão também passa a ter o direito de emitir normas que regulamentem as transações envolvendo criptomoedas no país.

Japão aprova novas emendas para a regulação de criptomoedas

Tokyo, Japão

no Japão, parlamentares aprovaram na Câmara novas emendas a respeito das transações de criptomoedas no país. As emendas em duas das leis financeiras do Japão – a Lei de Instrumentos Financeiros e Câmbio e a Lei de Serviços de Pagamentos – pretendem fortalecer os regulamentos locais sobre o processo de comércio de criptomoeda. As alterações adicionam normas para a negociação de margem de criptomoeda. A nova lei também inclui uma mudança na terminologia relacionada à cripto. Dessa forma, será alterado o termo moedas virtuais para “ativos cripto”.

Grupo pede que banco da Índia reconsidere criptos em sandbox regulatória

Na Índia, um grupo de lobbistas está solicitando ao Reserve Bank of India (RBI) que reconsidere a proibição de criptomoedas em sua sandbox regulatória. Recentemente, o RBI revelou que permitiria testes de tecnologia blockchain para um pequeno número de consumidores. No entanto, as criptomoedas, exchanges e ofertas de moeda inicial não estão incluídas no projeto.

Regulação crypto é adiada na Rússia

Rússia

A Rússia também foi notícia no mercado crypto. O país adiou a adoção de uma legislação para criptoativos devido à exigência Financial Action Task Force on Money Laundering (FATF). O órgão ordenou que os legisladores russos expandissem a terminologia do projeto de lei federal sobre a regulamentação dos ativos crypto. A solicitação é que o país legislasse termos importantes da indústria, como criptomoedas e bitcoin. O principal projeto crypto foi aprovado pelo parlamento russo em maio de 2018. Porém, foi enviado de volta para a primeira leitura depois de relatos de falta de conceitos importantes como mineração de cripto, criptomoeda e tokens.