Por que a lira digital não é uma grande vantagem

Por que a lira digital não é uma grande vantagem

Recentemente, o presidente da Turquia, Tayyip Erdogan, determinou que o governo finalize os testes com a criptomoeda do país e a incluiu no plano anual de 2020

Por que a lira digital não é uma grande vantagem

Por Redação

Recentemente, o presidente da Turquia, Tayyip Erdogan, determinou que o governo deve terminar de testar a moeda digital do banco central em 2020. A lira digital, baseada em uma blockchain do governo, está no programa presidencial anual do próximo ano.

A Turquia não é o primeiro país a fazer anúncio semelhante. A China está acelerando seus planos em ter uma moeda nacional soberana na blockchain. E a Venezuela já havia anunciado no ano passado sua criptomoeda própria, o Petro. Aqui e ali, outras intenções semelhantes têm sido divulgadas.

Mas afinal, há uma vantagem em ter uma moeda digital emitida por um banco central? De uma forma geral, não haveria nenhuma diferença em bancos centrais emitirem stablecoins ou dinheiro tradicional. Ou seja, o Estado continuaria a ser o emissor, poderia emitir livremente a moeda e a emissão não seria auditável.

Apesar disso, esse movimento da Turquia e da China deve fazer outros países irem na mesma direção. No Brasil não há planos relativos a isso. Mas recentemente o Banco Central brasileiro informou que está desenvolvendo um novo sistema de pagamentos baseado numa blockchain. Além disso, a tecnologia havia sido considerada para criação de uma plataforma de troca de informações.

Dentro do piloto turco, o governo planeja desenvolver uma plataforma de software para pagamentos instantâneos com base na lira digital. Juntamente com o banco central, o projeto também envolverá a agência nacional de inovação tecnológica – o Conselho de Pesquisa Científica e Tecnológica da Turquia, também conhecido como TUBITAK.

Se a emissão de criptomoedas soberanas não são uma grande vantagem, ter um sistema de pagamentos baseado numa blockchain pode dinamizar as transações e ter impactos positivos na economia no longo prazo.

Com informações do Cointelegraph.