Dubai pretende se transformar em um polo de empresas de tecnologia que desenvolvem soluções para o metaverso. Nos próximos cinco anos, a cidade espera criar mais de 40 mil empregos relacionados a universos digitais.

De acordo com o plano da cidade, o local pode se transformar em uma das dez maiores economias do metaverso. Sendo assim, a criação de 40 mil empregos deve aumentar o PIB de Dubai em US$ 4 bilhões até 2027.

Além de empregos, o plano de Dubai consiste em criar padrões para o desenvolvimento de plataformas para o metaverso, apostando em segurança e proteção dos usuários.

A cidade pode ainda criar uma regulação específica para metaversos, em busca de acelerar a adoção de universos digitais em todo o mundo. A proposta apresentada pelo príncipe herdeiro de Dubai , Sheikh Hamdan bin Mohammed, prevê atrair a instalação de mais empresas do setor.

Até então, Dubai é sede de mil empresas de tecnologia que desenvolvem projetos relacionados à tecnologia blockchain, criptoativos e metaversos. Essas empresas movimentam US$ 500 milhões anualmente.

Portanto, nos próximos cinco anos a cidade planeja aumentar esse número em cinco vezes. Ou seja, Dubai pode ter 6 mil empresas de inovação tecnológica com o plano de expansão da indústria do metaverso.

Para apoiar esse desenvolvimento, Dubai prevê investir na área. Enquanto isso, as maiores empresas da região já estão desenvolvendo iniciativas no metaverso, como a Emirates Arabe, o Damac Group e a empresa de saúde Thumbay.

Caso tenha algum comentário ou contribuição para o PanoramaCrypto, entre em contato com a nossa Redação.