Carteiras da Transfero têm ótima rentabilidade em junho

Carteiras da Transfero têm ótima rentabilidade em junho

No acumulado do ano até junho, carteiras da Transfero seguem superando todos os principais índices de mercado, como o Ibovespa, o CDI e o dólar

Carteiras da Transfero têm ótima rentabilidade em junho

Por Redação

A carteira TSAG Advanced da Transfero superou todos os índices de mercado em junho, considerando a rentabilidade em reais. Naquele mês, a valorização foi de 30,95%, influenciada pelo anúncio da libra, a criptomoeda do Facebook, que provocou euforia no mercado e trouxe investidores que acreditam em uma nova disrupção vinda de Mark Zuckerberg. Outras carteiras da Transfero também tiveram excelente desempenho

A carteira TSAG Advanced combina avaliação macro sobre os ciclos do bitcoin com análises técnicas e estatísticas para obter rentabilidade. Por isso, ela sofre influencia direta da valorização do ativo. Em junho, o bitcoin teve uma valorização de aproximadamente 28% sobre o dólar.

Demais carteiras da Transfero só perdem para o Ibovespa em junho

As demais estratégias de gestão de carteira da Transfero só tiveram desempenho inferior ao Ibovespa em junho. A TSAG Libra, estratégia passiva a partir de uma carteira de dez criptomoedas, fechou o mês com alta de 2,95% e a TSAG Conservative em alta de 3,02%. Já o Ibovespa terminou o mês de junho com valorização de 4,06%, aos 100.967 pontos.

No acumulado ano, contudo, as carteiras da Transfero superam os principais índices de mercado, com destaque para a TSAG Advanced que acumula impressionantes 129,41%. Até junho, o acumulado do Ibovespa era 14,88%. Já o CDI acumulava no ano até o fim de junho pouco mais de 3%.

+Leia também:
– Carteiras da Transfero superam todos os índices de mercado em maio
– Estratégia da Transfero obtém valorização superior a 14% em abril

Correção pode durar mais que o previsto

Após o mercado sinalizar uma tendência bullish (de alta) e passar por um período de intensa aceleração de preços nos últimos três meses, o bitcoin passou por uma correção de preços potencializada pelas discussões em torno da libra no Senado americano. “Com uma queda maior que 30% em relação à máxima de US$ 13.900,00 em 26 junho, é esperada uma queda até o próximo suporte na casa dos US$ 8.700,00”, avalia o head de Investments da Transfero Swiss, Carlos Franco Russo.

Para o estrategista, o bitcoin rompeu uma linha de tendência de alta que vem desde abril de 2019, sinalizando que a correção pode ser um pouco mais longa que as anteriores. “Os demais criptoativos ainda não acompanharam a valorização do bitcoin, o que sugere que ainda podemos ter uma nova primavera das altcoins a médio prazo”, avalia.

Apesar da queda, a correção recente  reforça a semelhança com o padrão da alta de 2016-2017 do bitcoin, quando subidas fortes vinham seguidas de correções em torno de 30%. “A nave baixou novamente e está na hora de embarcar”, pontua Russo, usando uma frase popular no mercado crypto.  Para ele, correções como esta são benéficas para o mercado e abrem bons pontos de entrada para investidores. Sendo assim, para os próximos 6 meses mantém-se a tendência de alta do mercado.

Acompanhe no detalhe o rendimento das carteiras Transfero em junho

Rentabilidade:
Advanced -> 30,95% (BRL) / -6,04% (BTC)
Libra -> 2,95% (BRL) / -25,47% (BTC)
Conservative -> 3,02%

Rentabilidade acumulada em 2019:
Advanced -> 171,36% (BRL) / -15,80% (BTC)
Libra -> 129,41% (BRL) / -28,97% (BTC)
Conservative -> 20,66%

Rentabilidade nos últimos 12 meses:
Advanced -> 101,94% (BRL) / 23,14% (BTC)
Libra -> -33,66% (BRL) / -59,39% (BTC)
Conservative -> 61,73%