O bitcoin hoje parece estar se estabilizando em torno da média móvel de 200 dias em US$ 46 mil, após uma forte liquidação na terça-feira. A criptomoeda caiu cerca de 8% nas últimas 24 horas, com os vendedores controlando a zona de resistência de US$ 50 mil – ou seja, o bitcoin tem dificuldade em ultrapassar e manter este patamar.

O ímpeto de alta desacelerou em relação ao mês passado, embora os compradores tenham conseguido defender o suporte antes do rompimento de US$ 42 mil alcançado em 6 de agosto. No entanto, o nível de compras pode ser limitado, já que a resistência permanece forte na faixa entre US$ 55 mil – US$ 60 mil.

Bitcoin hoje com suporte em US$ 42 mil

Segundo o Coindesk, o índice de força relativa ( RSI ) no gráfico de quatro horas é o mais sobrevendido desde o rompimento de 6 de agosto, acima de US$ 42 mil. Isso poderia encorajar compradores a retornar em torno dos níveis de suporte atuais.

No entanto, o lado positivo parece ser limitado, já que o RSI no gráfico diário está diminuindo em relação aos níveis de sobrecompra no mês passado. 

Com o retorno da volatilidade é provável uma recuperação mais tímida de preço mais  em relação a abril deste ano, limitando a força dos compradores após a liquidação de terça-feira.

Caso tenha algum comentário ou contribuição para o PanoramaCrypto, entre em contato com a nossa Redação.