A Binance Coin (BNB), criptomoeda da exchange Binance, vem experimentando uma forte alta em 2021. Desde o começo do ano, a moeda já se valorizou em mais de 692%. O preço do token em 1º de janeiro era de meros US$ 37,72. Porém, no dia em que essa matéria foi escrita, ele era negociado a pouco mais de US$ 295. E, de acordo com especialistas, há diferentes fatores influenciando essa valorização.

Um deles é o bitcoin, acredita Yashu Gola, analista de criptomoedas. Ao Investing.com, Gola apontou que a alta da Binance Coin começou após a criptomoeda líder renovar, mais uma vez, seu recorde de preço ao alcançar os US$ 52.640. Portanto, ele acredita que o movimento parece se dever aos traders que “migraram para o BNB após antecipar uma correção mais ampla de baixa no mercado de bitcoin”.

Alta da Binance Coin impulsiona marketcap: do 10º para o 3º lugar

Já o analista Crispus Nyaga acredita que, além disso, o volume de transações na Binance também ajuda a explicar o movimento. “Alto volume na Binance tende a levar a mais demanda para Binance Coin. Isso porque o BNB é usado para alimentar o ecossistema Binance como a moeda nativa da cadeia Binance”, disse o especialista ao site.

Esse aumento, contudo, não é fortuito, e se deve à Binance Smart Chain (BSC). Em setembro de 2020, a Binance definou o BNB como o token nativo da BSC, uma blockchain paralela à Binance Chain e que promete alto desempenho, mas com baixo custo. Assim, ela começou a atrair vários protocolos DeFi, que buscam escapar da lentidão e altas taxas do Ethereum.

“O volume de transações diárias da BSC aumentou em 300% em relação ao acumulado no ano, e reforça um ecossistema de mais de 100 projetos DeFi”, disse um porta-voz da Binance ao Cointelegraph.

Com a disparada do preço, a Binance Coin deu também um salto no marketcap. Enquanto em 31 de janeiro ela ocupava o décimo lugar no ranking, agora ela está na terceira posição. Isso faz dela também a maior moeda de uma exchange em capitalização de mercado.

Caso tenha algum comentário ou contribuição para o PanoramaCrypto, entre em contato com a nossa Redação.
Ativos alternativos crescem como opções de diversificação de portfólio