Apesar de estreia morna, Bakkt segue com boas perspectivas

Apesar de estreia morna, Bakkt segue com boas perspectivas

A tão esperada estreia da Bakkt veio abaixo do esperado e seguida pela queda do bitcoin, mas plataforma segue na perspectiva de atrair dinheiro institucional

Apesar de estreia morna, Bakkt segue com boas perspectivas

Por Redação

A tão esperada estreia da Bakkt, braço de liquidação e custódia de cryptoassets da Intercontinental Exchange (ICE), desapontou o mercado. O volume negociado ficou abaixo do esperado e muitos associaram a queda do preço do bitcoin, que veio logo em seguida, à estreia morna da bolsa.

Desde o lançamento da bolsa até o fechamento dessa matéria, a plataforma havia negociado apenas US$ 6,5 milhões em contratos de bitcoin. Isso equivale a 4 minutos de trading na gigante Bitmex.

Para o head de Investimentos da Transfero Swiss, Carlos Franco Russo, não há uma correlação entre a queda do bitcoin e a estreia morna da Bakkt.

“O fator é mais piscológico, hoje existem bolsas de futuros muito maiores do que a Bakkt”, afirma.

O executivo, contudo, confirma que o mercado esperava um volume de negócios muito maior. E que a burocracia para se inscrever na plataforma pode ter atrapalhado esse momento inicial. À medida que mais players institucionais se cadastrem, o volume deve aumentar.

O mercado de bitcoin ainda é muito focado no varejo. Por isso exchanges como a Binance têm volumes de negociação gigantes. Mas como a Bakkt é uma plataforma regulada, players como fundos de investimentos, family offices, fundos de pensão serão atraídos.

+Leia também:
-Destaques da semana: sinal verde para a Bakkt e wallet da Rakuten
-Saiba por que a Bakkt pode estar por trás da alta do bitcoin

Estreia da Bakkt trouxe inovações

Russo lembra que há outras bolsas de futuros como a CME e CBOE, mas que a Bakkt trouxe algumas inovações. Por exemplo, o waterfall, uma garantia de US$ 35 milhões caso algum player não honre seu compromisso. Além disso, na perspectiva da segurança, há a custódia em cold wallets e um seguro de US$ 100 milhões para os bitcoins.

Apesar da estreia morna, a tendência é que a Bakkt atraia de fato o dinheiro institucional. Principalmente no que se refere a esse serviço de custódia. Se antes, grandes investidores tinham que fazer eles mesmos a custódia, a Bakkt faz isso com a segurança que eles precisam.